domingo, 9 de dezembro de 2018

Resultado de imagem para advento Advento, tempo de preparação, de espera e de conversão.
 "Essa é a voz daquele que grita no deserto: 'Preparai os caminhos do Senhor endireitai suas
veredas"'Lc3,4.
  Lucas serve´se de um texto tirado do que chamamos de segundo Isaias (40-55), quando um profeta anonimo, possivelmente dissipulo de Isaias, em pleno Exilio da Babilonia (586-538 a.C), num período de escravidão, tristeza e dor, exorta o povo de sua época, de hoje e de todos os tempos,para despir-se do luto e aterarrar os vales, rebaixar montanha e colina, e aplainar os caminhos do Senhor (Cf.Is40,3-5). Só assim 'todas as pessoas verão a salvação de Deus". O que João Batista tem a nos ensinar sobre isso?
 Lucas nos mostra que Deus, em sua infinita bondade, teve misericórdia do seu povo e vai trazer a salvação na pessoa do seu Filho Jesus,que se fez homem e veio morar no meio de nós. Diante de tamanha prova de amor, cabe aos homens e mulheres de boa vontade preparar o caminho do Senhor.João Batista prega "um batismo de conversão para o perdão dos pecados"(Lc3,3).Mostra a todos que o importante não é só ser batizado; faz-se necessário converter-se e praticar as obras de misericórdia e justiça.
Faz-se necessaria uma ação concreta em favor da justiça para aterrar os vales e abismo existente entre os ricos e pobres.
  Rebaixar o orgulho da montanha de nosso egoismo para que haja uma verdadeira partilha do que temos e somos, e e uma verdadeira conversão e mudança de vida para vivermos de acordo com a Palavra de Deus, que aplaina e mostra o verdadeiro caminho do Senhor. Vivendo intensamente nosso batismo, poderemos rezar como o salmista; "Sim, maravilhas fez conosco o Senhor, exultemos de alegria".
  O Natal está chegando e Jesus quer novamente renascer em nosso coração. São Paulo diz:"Que o vosso amor cresça sempre mais, em todo o conhecimento e experiencia, para dissenirdes o que é o melhor". Que esse Natal não seja apenas mais um, mas que verdadeiramente possamos converter-nos e preparar o caminho do Senhor.
  Somente um amor concreto, em defesa da vida, poderá nos transformar em istrumentos da salvação do nosso deus.
(Pe. Francisco Albertin)

quinta-feira, 22 de novembro de 2018

Oração a Santa Cecília

Resultado de imagem para santa cecilia


Ó Virgem e mártir, Santa Cecília, pela fé viva que vos animou, desde a infância, tornando-vos tão agradável a Deus e ao próximo, merecendo a coroa do martírio, convertendo pagãos ao cristianismo, alcançai-nos a graça de progredir cada vez mais na fé e professá-la através do testemunho das boas obras, especialmente servindo aos irmãos necessitados.
Gloriosa Santa Cecília, que os vossos exemplos de fé e virtude sejam para todos nós um brado de alerta, para que estejamos sempre atentos a vontade de Deus, na prosperidade como nas provações, no caminho do céu e da salvação eterna.
Santa Cecília, padroeira dos músicos e artistas, rogai por nós. Amém.

sábado, 3 de novembro de 2018

Todos os Santos

        Na solenidade de todos os Santos a Igreja militante honra a Igreja triunfante do Céu
No dia 1º de novembro, a Igreja celebra a festa de Todos os Santos. Segundo a tradição, ela foi colocada neste dia, logo após 31 de outubro, porque que os celtas ingleses – pagãos -, celebravam as bruxas e os espíritos que vinham se alimentar e assustar as pessoas nesta noite (Halloween).
festa
Nesse dia, a Igreja militante (que luta na Terra) honra a Igreja triunfante do Céu “celebrando, numa única solenidade, todos os Santos” – como diz o sacerdote na oração da Missa – para render homenagem àquela multidão de Santos que povoam o Reino dos Céus, que São João viu no Apocalipse: “Ouvi, então, o número dos assinalados: cento e quarenta e quatro mil assinalados, de toda tribo dos filhos de Israel. Depois disso, vi uma grande multidão que ninguém podia contar, de toda nação, tribo, povo e língua: conservavam-se em pé diante do trono e diante do Cordeiro, de vestes brancas e palmas na mão”. “Esses são os sobreviventes da grande tribulação; lavaram as suas vestes e as alvejaram no sangue do Cordeiro.” (Ap 7,4-14)
Esta imensa multidão de 144 mil, que está diante do Cordeiro, compreende todos os servos de Deus, aos quais a Igreja canonizou através da decisão infalível de algum Papa, e todos aqueles, incontáveis, que conseguiram a salvação, e que desfrutam da visão beatífica de Deus. Lá “eles intercedem por nós sem cessar”, diz uma de nossas Orações Eucarísticas. Por isso, a Igreja recomenda que os pais ponham nomes de Santos em seus filhos.
Esses 144 mil significam uma grande multidão (12 x 12 x 1000). O número doze e o número mil significavam para os judeus antigos plenitude, perfeição e abundância; não é um valor meramente aritmético, mas simbólico. A Igreja já canonizou mais de 20 mil santos, mas há muito mais que isto no Céu. No livro ‘Relação dos Santos e Beatos da Igreja’, eu pude relacionar, de várias fontes, quase 5mil dos mais importantes; e os coloquei em ordem alfabética.
A “Lúmen Gentium” do Vaticano II lembra que: “Pelo fato de os habitantes do Céu estarem unidos mais intimamente com Cristo, consolidam com mais firmeza na santidade toda a Igreja. Eles não deixam de interceder por nós junto ao Pai, apresentando os méritos que alcançaram na terra pelo único mediador de Deus e dos homens, Cristo Jesus. Por seguinte, pela fraterna solicitude deles, a nossa fraqueza recebe o mais valioso auxílio” (LG 49) (§956).
Na hora da morte, São Domingos de Gusmão dizia a seus frades: “Não choreis! Ser-vos-ei mais útil após a minha morte e ajudar-vos-ei mais eficazmente do que durante a minha vida”. E Santa Teresinha confirmava este ensino dizendo: “Passarei meu céu fazendo bem na terra”.
O nosso Catecismo diz que: “Na oração, a Igreja peregrina é associada à dos santos, cuja intercessão solicita” (§2692).
A marca dos santos são as bem–aventuranças que Jesus proclamou no Sermão da Montanha; por isso, este trecho do Evangelho de São Mateus (5,1ss) é lido nesta Missa. Os santos viveram todas as virtudes e, por isso, são exemplos de como seguir Jesus Cristo. Deus prometeu dar a eterna bem-aventurança aos pobres no espírito, aos mansos, aos que sofrem e aos que têm fome e sede de justiça, aos misericordiosos, aos puros de coração, aos pacíficos, aos perseguidos por causa da justiça e a todos os que recebem o ultraje da calúnia, da maledicência, da ofensa pública e da humilhação.
Esta ‘Solenidade de Todos os Santos’ vem do século IV. Em Antioquia, celebrava-se uma festa por todos os mártires no primeiro domingo depois de Pentecostes. A celebração foi introduzida em Roma, na mesma data, no século VI, e cem anos após era fixada no dia 13 de maio pelo papa Bonifácio IV, em concomitância com o dia da dedicação do “Panteon” dos deuses romanos a Nossa Senhora e a todos os mártires. No ano de 835, esta celebração foi transferida pelo papa Gregório IV para 1º de novembro.
Cada um de nós é chamado a ser santo. Disse o Concilio Vaticano II que: “Todos os fiéis cristãos, de qualquer estado ou ordem, são chamados à plenitude da vida cristã e à perfeição da caridade” (Lg 40). Todos são chamados à santidade: “Deveis ser perfeitos como vosso Pai celeste é perfeito” (Mt 5,48): “Com o fim de conseguir esta perfeição, façam os fiéis uso das forças recebidas (…) cumprindo em tudo a vontade do Pai, se dediquem inteiramente à glória de Deus e ao serviço do próximo. Assim, a santidade do povo de Deus se expandirá em abundantes frutos, como se demonstra luminosamente na história da Igreja pela vida de tantos santos” (LG 40).
O caminho da perfeição passa pela cruz. Não existe santidade sem renúncia e sem combate espiritual (cf. 2Tm 4). O progresso espiritual da oração, mortificação, vida sacramental, meditação, luta contra si mesmo; é isto que nos leva gradualmente a viver na paz e na alegria das bem-aventuranças. Disse São Gregório de Nissa (†340) que: “Aquele que vai subindo jamais cessa de ir progredindo de começo em começo por começos que não têm fim. Aquele que sobe jamais cessa de desejar aquilo que já conhece” (Hom. in Cant. 8).

(prof Felipe Aquino)

sábado, 29 de setembro de 2018

Resultado de imagem para dia são miguel             São Miguel Arcanjo

  Hoje 29 de setembro a Igreja católica celebra
são Miguel Arcanjo,o anjo guerreiro.
   São Miguel arcanjo é conhecido como um ser
celestial que atua na proteção dos vivos e dos mortos,
traz força e coragem para superar desafios, vencer o mal
além de atrair a energia de cura para os fiéis.

           Oração a São Miguel
São Miguel arcanjo,protegei-nos no combate,
defendei-nos com o vosso escudo contra as
armadilhas e ciladas do demônio.
Deus o submeta, encarecidamente vos pedimos;
e vós, Príncipe da milícia celeste, pelo divino
poder,principiai no inferno a satanás  e aos
outros espíritos malignos que andam pelo mundo
procurando perder as almas. Em nome do Pai, do
Filho e do Espírito Santo. Amém.

(fonte net:)

domingo, 9 de setembro de 2018

Oração antes de ler a Bíblia

https://blog.cancaonova.com/oracao/files/2011/05/Bbliadentro.jpg?file=2011/05/Bbliadentro.jpgMeu Senhor e meu Deus, creio firmemente que estás aqui, que me vês, que me ouves; adoro-Te com profunda reverência. Peço-Te perdão dos meus pecados e a graça para fazer com fruto este tempo de oração. Minha mãe imaculada, São José, meu protetor, anjo da minha guarda, intercedei por mim.
Envia teu Santo Espírito para que eu compreenda e acolha Tua Santa Palavra! Que eu te conheça e te faça conhecer, te ame e te faça amar, te sirva e te faça servir, te louve e faça louvar por todas as criaturas. Faze, ó Pai, que pela leitura da Palavra, os pecadores se convertam, os justos perseverem na graça e todos consigamos a vida eterna. Amém!


(fonte: Net)

domingo, 12 de agosto de 2018

Resultado de imagem para dia dos pais   A vocação do pai é indispensável na família, na
igreja e na sociedade.Ninguém nasce sabendo ser pai.
É um aprendizado  e vocação que dura a vida inteira.
  Com o bebe nasce um pai e uma mãe . O bebe transforma
o casal em família.
  O pai da direção, firmeza, segurança aos filhos,ele é um
 líder. Não é fácil ser líder, mas essa é a função essencial
do pai. Todos sabemos que o nosso relacionamento com o
pai determina nosso psiquismo. O pai ausente ou fraco cria filhos órfãos e a orfandade é uma ferida dolorida,pois os filhos órfãos buscaram ídolos que tomam o lugar do pai ausente.
  Um pai líder sabe resolver brigas entre os conflitantes, faz cada um sentir sua importância na família e na vida, consegue equilibrar ternura e firmeza. Sabe mimar, mas também, ensinar e cobrar.Eis a maravilha do amor paterno.Ele tem clareza e visão das metas, da direção, do rumo a ser ensinado para a orientação do filho. Não basta ter bens materiais, é preciso dar as razões, os ideais e o sentido da vida.
  Amar e educar  é ajudar os filhos a se tornarem adultos.Não basta o sucesso, a riqueza, a profissão.    São necessários os valores e, dentre eles, a transmissão da fé. Transmitir valores não significa pessionar os filhos a ser o que queremos. Impor a vocação, a profissão, é criar filhos frustrados, aborrecidos, tristes, revoltados, Querer criar filhos perfeitos é a forma de criar filhos infelizes.
  Neste dia dos pais queremos abraçar afetuosamente todos os pais. Dizem as Sagradas Escrituras:"Aquele que respeita o pai obtém o perdão dos pecados, saúde e vida longa.Filho, cuida do teu pai. O amor com o pai nunca será esquecido" (Eclo 3). A fé, os valores religiosos e a oração contribuem muito para que nossos pais sejam líderes. Feliz dias dos Pais!!

(fonte : Revista de Aparecida)

quinta-feira, 26 de julho de 2018

Resultado de imagem para aniversario  Hoje estou imensamente feliz!
  Celebro mais um ano de existência neste mundo
tão rico e surpreendente.
  Só posso agradecer a quem sempre me apoiou e, claro,
a Deus por toda força, bênção e inspiração.
  Sou uma pessoa imensamente realizada, porque a divina
presença do Senhor na minha vida é constante.
  Sou quem sou e como sou porque meu coração está
repleto de fé e amor. Agradeço por tudo meu Deus!

domingo, 22 de julho de 2018

Aprendi com o Mestre dos Mestres

  Aprendi com o Mestre dos Mestres que a arte de pensar é a  arte dos sábios. Aprendi  um pouco mais a pensar  do que reagir, a expor -e não impor - minhas ideias e a entender que cada pessoa é um ser único no palco da existência.
  Aprendi co o Mestre da Sensibilidade a navegar nas águas da emoção, a não ter medo da dor, a procurar um profundo significado para a vida e a perceber que nas coisas mais simples e anônimas se escondem os segredos da felicidade.
  Aprendi com o Mestre da Vida que viver é uma experiência única, belíssima,mas brevíssima.E, por saber que a vida passa tão rápido, sinto necessidade de compreender minhas limitações e aproveitar cada lágrima, sorriso, sucesso e  fracasso como uma oportunidade  preciosa de crescer.
  Aprendi com o Mestre do Amor que a vida sem amor é como um livro sem letras,uma primavera sem flores,uma pintura sem cores.Aprendi que o amor acalma a emoção, tranquiliza o pensamento, incendeia a motivação,rompe obstáculos intransponíveis, e faz da vida uma agradável aventura, sem tédio,angustia ou solidão.Por tudo isso Jesus Cristo se tornou, para mim,um Mestre Inesquecível.

(Augusto Cury)

domingo, 24 de junho de 2018

Dia de São João

Resultado de imagem para são joão  São João Batista é um dos Santos mais queridos do Brasil, tanto   que o mês de junho é conhecido como o mês de São João.
 Ele foi filho do sacerdote Zacarias co  Isabel prima de
Maria. Ele  nasceu João e passou a ser João Batista devido aos batizados realizados no rio Jordão.

 
  Oração a São João
Ó Glorioso São João Batista, príncipe dos profetas,
percursor do Divino Redentor,primogênito da graça de Jesus e da intercessão da sua santíssima mãe ,que fostes grande diante do Senhor pelos estupendos dons da graça de que fostes maravilhosamente  enriquecido desde o seio materno , e de vossas admiráveis virtudes, alcançai-me de Jesus, ardentemente vos suplico, de que me de a graça de o amar e o servir com extremado afeto e dedicação até a morte.Alcançai-me também,meu excelso protetor, singular devoção a Virgem Maria Santíssima, que por amor de vós foi com pressa à casa de vossa mãe Isabel, para serdes livres do pecado original e cheio dos dons do Espírito Santo. Se me conseguirdes estas duas graças, como muito espero de vossa grande bondade e poderoso valimento, estou certa de que,amando até a morte a Jesus e a Maria, salvarei minha alma e no céu convosco e com todos os anjos e santos amarei a Jesus e a Maria entre gozos e delícias eternas. Amém.

( Fonte: internet )

sábado, 16 de junho de 2018

   Ola  Pessoal! Estamos no mês de junho onde celebramos grandes Santos, São Pedro padroeiro da minha paróquia Santo Antonio e São João.
   No dia 13 de junho celebramos Santo Antonio.Santo Antonio nasceu em Lisboa em 1195 e é conhecido como Santo casamenteiro.
  De família muito rica e da nobreza, ingressou muito jovem na  Ordem dos Cônegos regulares de Santo Agostinho.
   Com apenas vinte e seis anos de idade, foi eleito Provincial dos Franciscano do norte da Itália,mas não ficou nele muito tempo.Seu desejo era pregar praticando a caridade,catequizando o povo simples, dando assistência espiritual aos enfermos e excluídos e até mesmo organozando socialmente essas comunidades.
   Homem de oração, Santo Antonio se tornou Santo porque dedicou toda a sua vida para os mais pobres e para o serviço de Deus.
   São João é conhecido como o Santo Festeiro,por isso comemoramos com danças, comidas e fogueiras! As musicas são bem características com instrumentos como:cavaquinho, sanfona, triangulo. São João nasceu no dia 24 de junho e foi profeta e percursor de Jesus Cristo.João teve muitos dicípulos e batizou o próprio Jesus.
   São Pedro e São Paulo (29 de junho) São Pedro foi o primeiro Papa da história,conhecido por muitos como o apóstolo a quem Jesus deu as Chaves do Céu.
   São Paulo, que antes de se converter se chamava Saulo, ficou conhecido como " O Apóstolo" por ter sido o grande anunciador do Cristianismo.
   Não é por acaso que São Pedro é festejado junto com São Paulo, os dois foram julgados e condenados no mesmo dia 29 de junho. Mas seus ensinamentos continuarão sempre vivos dentro de cada um de nós.

( Fonte A 12 devotos mirins)